Quando vale antecipar a restituição do IR

Antecipar a devolução do Imposto de Renda para pagar dívidas a juros mais altos pode ser uma opção para equilibrar o orçamento.

Fonte: IstoÉ Online

por Pedro Marcondes de Moura

02.jpg

Ao declarar o Imposto de Renda, milhões de pessoas possuem valores a receber, já que foram tributadas a mais do que deveriam. Esse dinheiro pode cair na conta até dezembro de 2013 em um dos diferentes lotes da Receita.
Para receber na hora, uma saída é contratar a antecipação da restituição, com juros médios de 2,5% ao mês. “A antecipação, no entanto, tem de ser vista como qualquer modalidade de empréstimo”, diz Thiago Pessoa, coordenador da Investmania. Só vale contratá-la para quitar dívidas com juros mais caros, como cartão ou cheque especial, ou pagar despesas emergenciais. Os que optarem pelo adiantamento devem pesquisar quais instituições oferecem as melhores condições antes de entregar a declaração. Os bancos só fazem a operação àqueles que indicaram uma conta na instituição durante a entrega da declaração.

01.jpg

Arte: Fernando Brum

Sobre edufiscalgo

Blog das ações e informações do Grupo de Educação Fiscal Estadual de Goiás - GEFE/GO.
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s